audiovisual

Arquivos por Etiqueta: cinema

O mestre no Corujão

O mestre no Corujão

Para celebrar seu aniversário de cinco anos, o Cine Sesi preparou uma maratona de grandes atrações. Uma delas foi o Corujão especial de aniversário, que homenageia os dez anos do filme Lavoura Arcaica, com a presença do diretor Luiz Fernando Carvalho. Tido como um dos mais ousados e talentosos realizadores brasileiros da atualidade, após apresentar sua obra-prima, o cineasta brindou o público com uma verdadeira aula de cinema.

Deixe um comentário

S. Bernardo reabre o Cine Clube Núcleo Zero

S. Bernardo reabre o Cine Clube Núcleo Zero

A visão de um gênio como Leon Hirszman (Eles Não Usam Black-tie) para a obra de um gigante como Graciliano Ramos está impressa em S. Bernardo (1973), longa-metragem que, apesar de pouco visto, figura entre os maiores clássicos do cinema brasileiro. No filme e também no cultuado romance do autor alagoano, o fazendeiro Paulo Honório (Othon Bastos) “revisa” a trajetória que lhe proporcionou fortuna, mas também lapidou o caráter de homem rude, rancoroso e paranóico. Hipnotizado pelo poder e movido pela cobiça, é capaz de, entre outras coisas, matar os que criam obstáculos para seus propósitos. Assim como a maioria dos personagens de Graciliano, Honório é um retrato fiel da realidade alagoana. Um tipo que, década após década, não se desvincula da nossa cultura. Já foi o senhor de engenho, o coronel, e hoje representa nossa classe política.

Longa foi rodado na cidade alagoana de Viçosa

Quando os índices de violência nos apontam como o Estado com o maior número de homicídios na história do País, nada mais pertinente que buscar entender as origens dessa tragédia social. O cinema de Hirszman e a literatura de Mestre Graça são ótimas ferramentas para refletir sobre quem somos. E por isso escolhemos S. Bernardo para retomar a programação do Cine Clube Núcleo Zero. A sessão vai rolar em breve. Fique atento para a divulgação de data e horário em nossas redes sociais. Você é nosso convidado.

SOBRE O CINECLUBE NÚCLEO ZERO

A publicidade é antropofágica, se nutre de referências de fora de seu universo. E por isso criamos o Cineclube Núcleo Zero para ver, discutir e pensar cinema. Sonho Tcheco, um documentário que analisa o papel da publicidade na sociedade de consumo, inaugurou o projeto. Outras sessões estão previstas, sempre com programação e horário definidos momentos antes. Com isso queremos atingir um público sempre inesperado, disposto compartilhar a experiência de ver um bom filme. Se você quiser participar, fique ligado. Mande seu e-mail para a gente, que a qualquer momento pode rolar a próxima sessão.

1 Comentário

A cultura une nossos clientes

A cultura une nossos clientes

Agora parceiros, a Universidade Federal de Alagoas e o Cine Sesi passam a promover juntos o  Corujão, um dos eventos mais badalados do nosso cenário cultural. Se você está atento para a agenda da cidade nos últimos três anos, certamente já ouviu falar dele, e certamente já se deparou com uma das criações do Núcleo Zero para promover essa maratona de filmes e música que rola na madrugada.

Com o apoio da Ufal, agora o Corujão terá a presença garantida de pelo menos um convidado em todas as suas edições. Serão seis em 2011. A primeira delas aconteceu no último sábado (12), e contou com a presença do renomado produtor Flávio Tambellini, que esteve em Maceió para lançar seu terceiro filme como diretor, a comédia romântica Malu de Bicicleta. Em mais uma noite de casa cheia, o Cine Sesi recebeu o pró-reitor de Extensão da Universidade, Prof. Eduardo Sarmento de Lyra, para ver de perto a iniciativa.

O diretor Flávio Tambellini no primeiro Corujão Sesi/Ufal do ano

UFAL 50 ANOS

Responsável pela comunicação do Cine Sesi desde 2009, esse ano o Núcleo Zero assina a campanha de comemoração dos 50 anos da Ufal. Um desafio recebido com prazer por toda a equipe, que se empenhou para imprimir em cada criação a relevância social da Universidade em todo o território alagoano. Não à toa, a expansão é a principal bandeira da atual gestão da instituição. Nos últimos anos a ampliação dos cursos e dos Campi da Ufal tem levado oportunidade de formação acadêmica para milhares de pessoas em todas as regiões de Alagoas, do Litoral Norte ao Sertão. A transformação já pode ser notada. Como nunca, estudantes de escolas públicas estão entrando na Universidade.

Em veiculação desde o dia 25 de janeiro, a campanha criada pelo Núcleo Zero consegue emocionar e ao mesmo tempo informar dados objetivos sobre as conquistas alcançadas pela Ufal, dialogando assim com o espírito da instituição, que concilia o caráter científico com o aspecto humano. “Expansão do conhecimento, conhecimento que transforma”, é a mensagem que assina as peças da campanha. Mais detalhes sobre o trabalho você confere no nosso portfólio.

Deixe um comentário

Canal Zero – Produções Audiovisuais

Canal Zero - Produções Audiovisuais

Acompanhe aqui o processo de criação de nossos projetos recentes e fique sabendo o que tem feito a nossa cabeça no universo do audiovisual. No primeiro post do Canal Zero, veja o making of dos três filmes atualmente em produção no Núcleo Zero: o doc em média-metragem Interiores ou 400 Anos de Solidão, de Werner Salles, o curta KM 58, de Rafhael Barbosa, e o híbrido de documentário e ficção O Matuto Zé Cará, de Tato Salles.

3 Comentários

Pular para a barra de ferramentas