audiovisual

Dialetos, animação 15 minutos

Dialetos, animação 15 minutos

Cartaz

 

A Núcleo Zero foi selecionada no edital de Audiovisual da Secult/Al com o projeto Dialetos, uma animação de 15 minutos de Weber S. Bagetti. A animação quadro a quadro é uma técnica bastante trabalhosa. Requer tempo, dedicação, paixão e domínio técnico. O projeto “Dialetos” está sendo gerado há cerca de dois anos num exercício contínuo de pesquisa, leituras e rabiscos. Fruto de tentativas e erros do artista visual Weber Salles que ao longo do período de 10 anos vem estudando e executando a técnica de animação. Dialetos é o resultado de todo esse esforço e e se encontra no momento certo para execução. O primeiro curta metragem totalmente feito em animação em Alagoas. Experimental, ousado e que certamente integrará a diversidade de linguagens e gêneros em expansão no audiovisual independente.

Sinopse:

Dialetos é uma voz interior. Uma animação experimental de 15 minutos. Uma narrativa lírica que se impõe através de um fluxo de signos e imagens que representam o estado de uma alma inquieta. Memória, pensamento, matéria e espírito, começos e fins, eternos recomeços. Um exercício poético quadro a quadro, onde se misturam cenas cotidianas, citações, polifonia, sonhos e vazios de indivíduos em relação ao pensamento. Dialetos, vozes, comunicabilidade e incomunicabilidade. Uma Dicção particular em observação de si e do outro em busca de uma expressão possível em desenho animado. Uma lupa subjetiva que revela o micro e o macro, o mundo as coisas, em permanente estado de devir.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pular para a barra de ferramentas